Socorro Lima Dantas
 


 

Procuro tanto de ti meu amor,
Mas não te encontro.
Tenho o olhar perdido em nossas recordações,
porque só elas ficaram...
Nossa vida é um eterno desencontro.
 
 
Onde estás meu amor que não te encontro ?
Procuro por ti desesperadamente...
caminho por uma estrada longa,
durante anos a fio...
olho para todas as faces que parecem ser tua,
observo atentamente,
Mas nenhuma é a tua...
ah que desilusão !
Neste momento meu coração recua.
 
 
Deixaste a minha alma
invadida por um passado pueril !
Sonhos não realizados,
promessas descumpridas,
brincadeiras inacabadas...
beijos roubados !
 
 
Por que nos separamos meu amor ?
Justo naquele dia em que nos amamos
 com tanto ardor!...
juramos fidelidade ao nosso afeto arrebatador.
Eu falava que amaria só a ti, para sempre !
e tu dizias ser meu o teu amor, eternamente.
 
 
Assim... sem despedidas...
partiste lentamente da minha vida,
deixando-me sem qualquer certeza de volta,
restou-me fitar o teu olhar,
o último beijo... o último aperto de mão...
a última palavra...
aquela que eu não desejava ouvir !...
 
 
O que querias me dizer meu amor ?
seria uma palavra de esperança ?!...
acaso fosse uma promessa que querias revelar-me,
ela se encontra aqui... dentro do meu peito,
desde aquela partida tão triste !
Afinal, aquele foi o adeus do amor ?
pergunto-me:
Por que insisto nesta andança !
 
 
Aquele adeus, sem palavras... sem gesto...
em que te perdi naquele horizonte,
foste te afastando aos poucos,
com aquele olhar ardendo de paixão !
saíste  caminhando lentamente....
as lágrimas desabaram em meu rosto,
e nunca mais cruzamos nossos olhares !
 
Preciso de ti meu amor,
necessito saber se ainda me amas,
se como eu,  guardas nossas recordações,
daquelas noites românticas,
dos nossos momentos tão belos e apaixonados,
quando confundíamos nossas almas !
Nossos corações batiam tão fortes,
que eu ouvia o teu peito clamar por mim !
 
 
Vem amor, volta aos meus braços,
vem reviver aqueles momentos !
Eu permaneço aqui, no mesmo lugar,
naquela praça,
onde nossos olhares se cruzavam,
e já sabiam o que queriam dizer um ao outro !
 

Ah meu amor !
quantos momentos lindos aqueles nossos !
não podem ficar assim., esquecidos...
preciso desesperadamente de ti meu amor,
mesmo que seja  por um só instante!
vem refazer a nossa história,
o conto de um amor mais lindo que já vivi.
 
Ah se eu pudesse voltar aquele dia !
teria corrido atrás de ti,
suplicaria para não te afastar de mim !
e jamais teria deixado o teu coração fugir do meu,
que hoje sofre uma dor sem fim !

Vem amor,
encontro-me aqui... angustiada...
aguardando desesperada a tua volta !
Vem amor,
eu preciso de ti,
mas na tua caminhada,
 não esqueces de trazer em tuas mãos
aquelas rosas vermelhas,
 que faziam ferver a nossa paixão.
Preciso de ti meu amor !
 

 

 

 

 

 

 

 

 

Copyright © 2007

Fragmentos dos Meus Sonhos - Socorro Lima Dantas
Todos os direitos reservados

Publicado: 13.01.2007  Última atualização:  24.11.2012

Webdesigner:  Sonia Orsiolli