Socorro Lima Dantas
 


 


São palavras que machucam,
no auge de tua indecisão,
pareces estar em alucinação,
Tu não compreendes o que se passa,
não me escuta, 
e eu, teimo em te falar,
o peito não quer calar,
não sei por que este meu querer !
a alma, em tristeza grita,
sinaliza para que eu desista,
mas a insistência me domina,
é estranho demais este sofrer,
que não me faz voltar atrás !
O tempo passa...
eu espero uma palavra,
você não vem,
as coisas não acontecem !
falta-me um pedaço, a solidão encosta,
a alma sofre, você não ouve o meu pranto,
lágrimas invadem o meu rosto,
tento abrir os olhos, acalentar o pranto
a ansiedade reluta,
e eu não consigo tirar este desejo do peito !
resolvo manobrar este sentimento,
a voz emudece, o coração comprime,
arrisco enganar a alma tão abatida,
mas não enxergo a esperança,
o tempo avança,
quero a todo custo sair deste estado !
preciso ouvir nossos versos,
palavras que só nós dois conhecemos,
muitas vezes juntinhos pronunciamos,
e foram por você adormecidas.
Hoje, ficaram apenas
palavras que machucam !
 


 


 

 

 

 

 

 

 

 

 

   

                

 

 

 

 

Copyright © 2007

 Fragmentos dos Meus Sonhos - Socorro Lima Dantas
Todos os direitos reservados
Publicado: 13.01.2007